Como ensinar as crianças a se revezarem no playground

Como ensinar as crianças a se revezarem no playground

As crianças estão constantemente aprendendo coisas novas, incluindo formas de se desenvolver social e emocionalmente. Essas habilidades vêm com uma ampla gama de emoções que pais e professores podem ajudar a orientar as crianças. Se você está trabalhando em habilidades sociais e emocionais com seu filho ou aluno, aprenda mais sobre as diferentes atividades para promover o compartilhamento e o revezamento na hora da diversão.

Marcos de desenvolvimento social e emocional para crianças

As crianças amadurecem social e emocionalmente à medida que se tornam adolescentes e entram na idade adulta. O desenvolvimento social e emocional delimita a forma como as crianças entendem as situações sociais e interagem com seus colegas, equilibrando as emoções que as acompanham.

As habilidades sociais e emocionais se desenvolvem com o tempo. Em crianças, esses marcos podem ser semelhantes a:

3 a 4 anos: as crianças mais velhas começam a ganhar interesse em brincar com os colegas, mas podem ter dificuldade em controlar as novas emoções associadas às brincadeiras coletivas.

5 a 6 anos: crianças em idade escolar estão mudando de ambiente rapidamente e estão mais expostas a cenários sociais. Os alunos dessa idade estão começando a testar e estabelecer limites sociais.

7 a 8 anos: essas crianças podem ter dificuldade em expressar emoções sociais complexas, como raiva ou constrangimento, então é provável que mostrem agressividade quando algo não vai do seu jeito.

9 a 10 anos: crianças mais velhas em idade escolar experimentam um equilíbrio de emoções — são brincalhonas e amorosas, mas podem ser argumentativas. Essa resposta emocional exige cuidado especial, especialmente ao encorajar as crianças a se revezarem.

Maneiras de ensinar as crianças a se revezarem

Pais e professores desempenham um grande papel no desenvolvimento social e emocional das crianças. Ambos são figuras consistentes na vida de uma criança. As crianças verão você como uma figura autoritária e orientadora, que você pode usar a seu favor ao ensiná-los a se revezar.

Aprenda como ensinar uma criança a esperar sua vez com métodos como:

Modele ou imite revezando-se: as crianças refletem o comportamento ao seu redor. Se eles virem você se revezando e sendo gentil com os outros, provavelmente irão repetir o mesmo comportamento.

Use reforço positivo: quando você vir uma criança compartilhar ou se revezar com seus colegas, reforce positivamente o comportamento apontando-o de forma encorajadora. As crianças são mais propensas a repetir esses comportamentos para receber elogios.

Jogue jogos em equipe: a melhor maneira de os alunos aprenderem novas habilidades é por meio da experiência. Exponha as crianças a cenários onde podem praticar o desenvolvimento emocional e social por meio de jogos em equipe.

O que fazer quando as crianças não se revezam

O desenvolvimento de novas habilidades envolve uma curva de aprendizado e um período de adaptação. As crianças naturalmente terão alguns obstáculos no caminho — elas podem ter dificuldade em compartilhar e podem se recusar a se revezar. Quando isso acontecer, você deve:

Esperar a criança se acalmar: quando uma criança está chateada, ela está experimentando um turbilhão de emoções. Dê a elas tempo para se acalmarem para facilitar a reconstrução de emoções positivas.

Conversar sobre as emoções com o aluno: pergunte ao aluno por que ele se sentiu chateado. Incentive-os a usar suas palavras para identificar seus problemas.

Redirecionar as emoções e fornecer uma resolução: depois de identificar o que os está perturbando, ajude-os a chegar a uma resolução. Convide-os a compartilhar com outro aluno ou vire a mesa perguntando: “Como você se sentiria se alguém não compartilhasse com você?”

Um exemplo deste cenário é se outro aluno está chateado porque alguém não quer compartilhar seu brinquedo. O aluno provavelmente sentirá emoções como decepção, agressão e ciúme. Guie essas emoções com perguntas como: “Por que você se sente assim?” e “O que você pode fazer sobre isso?”

Chegue à resolução de perguntar de forma educada à outra criança se ela pode usar o brinquedo em 10 minutos. Dessa forma, as duas crianças têm a chance de brincar com o brinquedo, e a segunda criança não sente que o brinquedo está sendo tirado dela. Essa lição também permite que você incorpore a oportunidade de discutir o compartilhamento junto com os revezamentos.

Labor Playground

Na Labor Playgrounds, nós executamos projetos para sua área de lazer de forma completa, com equipamentos recreativos de alta qualidade e que seguem as normativas de segurança da ABNT. Além disso, também oferecemos o serviço de manutenções periódicas para os equipamentos.

Entre em contato conosco para que possamos entender como podemos ajudá-lo a desenvolver o melhor projeto de acordo com a sua necessidade.

Deixe um comentário